Decorreu no passado dia 9 de Fevereiro, no Teatro Virgínia, a 2.º edição da Gala do Desporto de Torres Novas, que contou com a presença do Secretário de Estado do Desporto e da Juventude, João Paulo Rebelo, e da atleta campeã olímpica Rosa Mota.

A gala do desporto assinala o reconhecimento público do Município de Torres Novas a atletas, equipas, dirigentes desportivos, treinadores e outras pessoas que se tenham distinguido no Desporto concelhio, num passado recente ou ao longo de uma carreira, como praticantes de modalidades ou como promotores da actividade física e desportiva. Consubstanciando-se na atribuição de prémios e na realização de homenagens. A gala visa, essencialmente, festejar o desporto: as suas conquistas, as suas glórias, mas também o trabalho diário dos clubes e associações que tornam possível a um número vasto de pessoas, de todas as idades, a prática da atividade física e a busca de um modo de vida mais saudável.

Os vencedores do prémio ‘Atleta do ano’ foram Paulo Vakulyuk do Clube de Natação de Torres Novas (CNTN) na categoria ‘Masculinos até 14 anos’, Joel Catarino da União Desportiva e Recreativa da Zona Alta (UDRZA) na categoria ‘Masculinos entre os 15 e os 18 anos’ e na categoria ‘Masculinos com mais de 19 anos’, Gonçalo Neves do CNTN.

Nas categorias ‘Femininos’, os atletas contemplados foram Margarida Morais do CNTN (categoria até 14 anos), Nádia Carvalho do  Núcleo Sportinguista de Torres Novas (NSTN), na categoria ‘entre os 15 e os 18 anos’, e Ana Nair Dias em representação do Clube de Judo de Torres Novas (CJTN) na categoria ’19 anos ou mais’.

 

A distinção de ‘Atleta revelação do ano’ foi para José Pedro Vieira (CNTN). A ‘Equipa do Ano Sub14 Masculinos’ foi o Clube Desportivo de Torres Novas – Organismo Autónomo de Basquetebol (CDTN-OAB). João Sousa (CDTN-OAB), foi distinguido com o galardão ‘Treinador do Ano’, sendo que a ‘Associação/clube do ano’ foi entregue à UDRZA.

A ‘Associação/clube do ano’ no Desporto Escolar foi a Equipa basquetebol iniciados masculinos (AGP). No Desporto adaptado, David Antunes (CRIT). O prémio ‘Dirigente do ano’ foi para Luís Sénica da UDRZA e o prémio ‘Mérito Desportivo’ foi para Marco Sousa do CNTN.

Houve ainda a atribuição de galardão a todos os atletas campeões nacionais e/ou internacionais e uma homenagem a Joaquina (Quina) Deus.