De 18 de Março a 22 de Abril estará patente na Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes, em Torres Novas, a exposição de fotografia intitulada «Povo, lugares e paisagens de Timor», da autoria de Manuel Casal Aguiar e Rui Lelis.

A mostra é composta por um total de 40 fotografias, 20 de cada autor. Para Manuel Casal Aguiar, «o conjunto de 20 imagens constitui parte de um espólio mais vasto que fui construindo durante a minha estadia como militar em Timor entre 1964 e 1966. São, pelo descomprometimento,  resultado de observações prosaicas de assuntos que pelo sentido estético apelavam à minha sensibilidade e, constituem o resultado de primeiras experiências com a fotografia. A câmara era uma simples “cannonette” adquirida em Singapura e os “slides” que então constituíam novidade para mim, o suporte de cores que me surpreendiam pelo fiel naturalismo.»

Para Rui Lelis, o serviço militar que entre 1970 e 1972 prestou em Timor Leste possibilitou-lhe o contacto com «um povo e uma paisagem que verdadeiramente me fascinaram. As imagens que desse contacto recolhi e que aqui junto, foram-me proporcionadas pelas funções que então desempenhei e que me permitiram calcorrear aquela parte da ilha e conhecer as suas gentes. A recordação que delas conservo está para além da beleza das imagens… e só um artista teria conseguido captar algo da personalidade das gentes.»

A inauguração está marcada para sábado, 18 de Março, às 16h.

Paralelamente estão também agendadas actividades no âmbito da exposição. Cores e Formas de Timor é uma oficina de artes plásticas, ilustração, com utilização de cartão, cola e tintas de água para crianças a partir dos 6 anos que terá lugar a 8 de Abril (inscrições até 5 de Abril na recepção da Biblioteca). Tendo como fundo de inspiração a exposição patente no átrio da biblioteca, pretende-se transpor para a base em cartão a materialidade do que se captou neste olhar que é já o reflexo do olhar do fotógrafo. A oficina explora a forma, através da escolha e corte do cartão, a colagem, com a disposição do material e, por fim, a pintura onde cada um exprime o seu gosto que se reflecte na mancha cromática. Assim, irão surgir caras, casas, animais, árvores, elementos da natureza e ainda objectos de adorno e outros da vida quotidiana.

A 15 de abril haverá um workshop de iniciação à edição de imagem. Esta sessão de trabalho introduz conteúdos básicos com referência nos atuais conceitos de edição de imagem. Destina-se a utilizadores com alguns conhecimentos informáticos, sem limite de idades. Entrada livre com necessidade de pré-reserva até 20 participantes. As inscrições podem ser efetuadas no balcão de atendimento da Biblioteca Municipal ou online, através do link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSel-JAEFxTfUzCuZ_JB0_7gM2CLJVaFcmWSSTbHfQZssKDWHg/viewform