No último sábado, a sede da Associação SCOCS transformou-se uma vez mais numa típica casa de fados, com ambiente acolhedor, gente divertida e, como não podia deixar de ser, os petiscos tradicionais.
O fado ouviu-se entre silêncios e aplausos sinceros. A noite foi pontuada por momentos musicais de registos variados, contado com o lirismo do Fado Ribatejano na voz de João Chora e a paixão do Fado de Lisboa na voz de Cristina Maria. Duas vozes enquadradas, à vez, pela mestria e virtuosidade das cordas de Edmundo Albergaria, Pedro Castro, Fernando Maia e João Chora, que logo no primeiro acorde impressionaram os presentes e que finalizaram o concerto com uma belíssima peça instrumental.
Esta foi mais uma noite de boa música, bons petiscos e bom vinho, numa aldeia que faz da cultura um ponto de encontro.
A programação musical é uma aposta contínua da Associação SCOCS, que continua a atrair cada vez mais visitantes a Cem Soldos para os seus eventos regulares.
Download PDF