O que há dias se passou no Convento de Cristo, em Tomar é, além de lamentável, muito preocupante. Segundo o programa “Sexta às 9” da RTP, durante a rodagem da comédia “O Homem que Matou D. Quixote”, de Terry Gilliam, terão sido provocados variados estragos num dos claustros.

Os relatos incluem a realização de uma fogueira, pedras centenárias partidas ou com arestas fraturadas, pelo facto de se terem fixado adereços e panos às colunas e outras estruturas, cantarias e telhas destruídas.

Nas imagens televisivas, é visível um aglomerado com dezenas de botijas de gás, ligadas à rede de tubos que alimentou o fogo de uma pira.

Segundo os testemunhos, ter-se-á gerado uma enorme onda de calor provocada pelo fogo nas imediações da janela do Capítulo, joia da arquitetura manuelina e ícone mundial do Convento de Cristo. Terão sido colocados em risco tanto o monumento, como o grande número de figurantes presentes no local.

O Convento de Cristo, em Tomar, monumento de referência da época do Renascimento que integra a conhecida “Janela do Capítulo” da sacristia manuelina, mereceu a classificação de Património da Humanidade pela UNESCO.

Mesmo que se paguem e que se reparem os estragos, irão fazê-lo com recurso a argamassas ou remendos; ou seja, os danos são irrecuperáveis. Nesse sentido, é premente apurar responsabilidades para que não se repitam situações similares que ponham em causa e em definitivo o património cultural português.

Na Assembleia da República o deputado Jorge Campos (BE) e eu próprio fizemos o que, a nosso ver, se impunha: requeremos, com caráter de urgência, a audição do ministro da Cultura na respetiva Comissão Parlamentar, para prestar esclarecimentos.

Entretanto, o próprio ministro já mandou abrir um inquérito acerca do incidente, a concluir dentro de dias. Portanto, quando comparecer na Comissão, já deverá ir munido de mais informações.

Vamos acompanhar este processo, porque, independentemente da amplitude dos danos, o caso parece denotar (pelo menos) uma grande irresponsabilidade.

 

Carlos Matias

Deputado do BE eleito por Santarém

Download PDF