A INSIGNARE participou recentemente numa reunião técnica da CPLP – Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, em Brasília, a convite da ANQEP –  Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional. Foi também convidada a Escola Profissional de Torredeita (Viseu) para representarem no Brasil o Ministério da Educação, na «Reunião Técnica CPLP: Desafios no Ensino Profissional e Agenda de Cooperação Técnica», que decorreu de 30 de Agosto a 1 de Setembro. Foi um momento de orgulho e de grande honra pelo reconhecimento das nossas capacidades em fazer parte de tão distinta e importante reunião de trabalho.

Esta reunião enquadra-se na preparação da X Reunião de Ministros da Educação da CPLP, a ter lugar em Brasília, em Março de 2018, dando seguimento às Conclusões e Recomendações do «I Colóquio sobre o Ensino Técnico Profissionalizante na CPLP», que teve lugar em Díli, em 2015, e que inaugura «Brasília, como Capital da Educação e Formação da CPLP» no biénio 2016/2018.

Esta reunião contou com a participação de delegações dos Estados membros da CPLP, incluindo, a Directora Nacional do Ensino Técnico Profissional de Angola, a Directora Nacional de Educação de Cabo Verde, o Director-Geral do Instituto Nacional de Formação da Guiné-Bissau, o Director-Geral de Ensino Técnico e Profissional e o Secretário Geral da Comissão Nacional para a Unesco da Guiné Equatorial, o Director Adjunto de Planificação, Estudos e Cooperação e o Director do Instituto de Formação Profissional de Estudos Laborais Alberto Cassimo de Moçambique, representantes da Escola Profissional de Torredeita e da INSIGNARE de Portugal e o Director do Ensino Técnico e Profissional e da Educação de Jovens e Adultos de São Tomé e Príncipe.

No dia 30 de Agosto, foram realizados dois painéis, o «Painel 1 – Empreendedorismo (incubadoras e startups): apresentação de casos de sucesso» e o «Painel 2 – Tecnologias Assistivas e Promoção da Inclusão na EPT», com oradores de instituições brasileiras e de estruturas nacionais responsáveis pelo Ensino Técnico Profissionalizante de Moçambique e de Portugal.

No dia 31, realizaram-se o «Painel 3 – Ferramentas de Gestão: Uso de tecnologias que melhoram a eficácia de gestão da EPT» e o «Painel 4 – Educação Profissional e Tecnológica e a relação de Género», com intervenções de participantes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Portugal e São Tomé e Príncipe. A INSIGNARE, através do Coordenador do Gabinete de Gestão da Qualidade, José Pegada, fez a sua apresentação relativa ao painel 3, apresentando as ferramentas pedagógicas que a Escola Profissional de Ourém e a Escola de Hotelaria de Fátima utilizam em termos de gestão pedagógica e de promoção do sucesso educativo.

Finalmente, no dia 1 de Setembro realizou-se um debate, em mesa redonda, com todas as delegações representadas, sobre as necessidades e disponibilidades que cada estada membro tem ou poderá ofertar.

Como resultado final, obteve-se o desenho de uma agenda comum de cooperação técnica no âmbito da CPLP, a partir dos temas abordados e de pontos de interesse apresentados pelos Estados membros, a apresentar e a ser debatida na referida reunião de Ministros da Educação a decorrer em Março de 2018 em Brasília.