A Exposição “Sacrifício Nu”, que reúne pinturas de Emanuel de Sousa e esculturas de João Carvalho, é inaugurada dia 4 de Novembro, pelas 16h00, no Palácio Landal, em Santarém.

“Sacrifício Nu” está patente até dia 16 de Dezembro, e vinca as várias verdades sobre a estética da figura humana com uma atitude contemporânea e reflectiva.

Esta exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h00, e aos sábados, das 10h00 às 13h00.

Emanuel de Sousa é formado em Arte e em Design, e trabalha actualmente no Reino Unido, no campo da pintura, do desenho e da escultura, onde desenvolve uma narrativa sempre aliada às necessidades sociais/políticas/humanas das populações. Trabalha com intenção de projectar reflexões sobre o comportamento humano.

João Carvalho divide o seu tempo entre o trabalho técnico e o artístico, e assume, tecnicamente, funções de designer de peles e consultor.

Na pele de artista, cria esculturas surpreendentes que captam momentos únicos, que fixa para a eternidade. Para isso, utiliza técnicas artesanais, conjugadas com novos processos já patenteados.