O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse ontem durante a visita que efectuou à Feira Nacional de Agricultura, certame que decorre no Centro Nacional de Exposições, em Santarém, até ao próximo dia 18 de Junho, que a “agricultura é um sector de futuro” e considerou a FNA 17 “um grande  evento que tem sido um sucesso ano após ano”.

Ao longo da tarde, um verdadeiro banho de multidão acompanhou Marcelo Rebelo de Sousa que contactou com inúmeros expositores destacando a presença de gente jovem, a qualidade dos stands e a aposta das empresas em inovar e em participar com novas iniciativas.

Conferências e Seminários na FNA 17

O debate de temas relacionados com a actividade agrícola intensifica-se na Feira Nacional de Agricultura, cujo dia foi repleto de conferências e seminários que contaram com uma assistência assinalável.

Pela manhã, “A Importância dos Pagamentos Ligados na PAC (Org, CAP – Agricultores de Portugal)” teve como objectivo promover o debate sobre a importância dos pagamentos ligados na agricultura de alguns países europeus e perspectivar a inevitabilidade deste mecanismo na nova PAC.

Recorde-se que os pagamentos ligados só poderão ser concedidos como um incentivo para manter os níveis desejáveis de produção nas regiões e têm a forma de pagamentos anuais, dentro de certos limites quantitativos, com base em área, rendimento ou número de animais.

“Politica Agrícola Comum – Impactos da Reforma de 2013 e Perspectivas Futuras” foi o mote para a organização de um colóquio promovido pela Confederação Nacional de Agricultura. Em debate estiveram temas como “Processo da Reforma da PAC Pós 2020, Contexto e Primeiros Posicionamentos” e “PAC Pós 2020 – Que Opções para a Agricultura Familiar”.

Marcelo 2

“InovCereais” foi o tema escolhido pela revista “Voz do Campo” para discutir problemáticas relacionadas com a inovação da produção de cereais em Portugal. O seminário contou com a participação de confederações, clubes de produtores, escolas superiores e empresas do sector.

A Federação Minha Terra destacou os “Produtos de Qualidade, Territórios e Gastronomia”, colóquio que conto com vários temas em discussão como a “Internacionalização da Gastronomia, a Rota da Dieta Mediterrânica ou o Inventário dos Produtos Tradicionais Portugueses.

Discutir temáticas e problemas relacionados com a Orizicultura Portuguesa foi o objectivo do seminário promovido pela AOP – Associação de Orizicultores de Portugal, durante o qual se discutiram conteúdos como a “Situação Actual da Fileira do Arroz”, “Ambiente e Água”, “Inovação e Tecnologia” ou “A Importância da Organização da Produção”, entre outros. Este debate contou com a participação de vários especialistas de Associações, Federações e Institutos Públicos.

No Salão Prazer de Provar que reúne no mesmo espaço vários produtos de grande qualidade continuam a realizar-se diariamente “Demonstrações de Cozinha ao Vivo” com mostras e degustações de produtos ou harmonizações entre Vinhos/Azeites, entre outras actividades, uma forma do consumidor tomar conhecimento e experimentar produtos já confeccionados nem sempre de fácil acesso.

Em exposição estão também os produtos premiados nos vários Concursos Nacionais que decorreram no Centro Nacional de Exposições, em Santarém, de Novembro de 2016 a maio de 2017. Recorde-se que estas iniciativas, que o CNEMA realizou em conjunto com a Qualifica/oriGIn Portugal, tiveram como objectivo estimular a produção de qualidade, dar a conhecer os melhores produtos nas diferentes regiões do país, incentivar o seu consumo, promover o encontro de produtores, empresas, técnicos e apreciadores.

As “Conversas de Agricultura”, voltam a estar na ordem do dia com diversos temas em discussão. O destaque do dia vai para o “6º Seminário de Jovens Agricultores – Inovação Tecnológica na Agricultura – Org. CAP” durante o qual será entregue o Prémio para Melhor Jovem Agricultor”.

´“Contabilidade e Gestão na Actividade Agrícola – Org. CAP/OCC”, “Desafios para a Produção Animal. Biossegurança e Resistência Antimicrobiana – Org. CAP”, “OP de F&H: exigências de reconhecimento e o acesso ao mercado – Org. CAP”, “Electricidade na Agricultura. Como Reduzir a Factura? – Org. ANPOC/ANPROMIS/FENAREG”, “Na Rota das Exportações – Oportunidade no Agroalimentar na CPLP – Org. CAL”, “Células Somáticas – Impacto Económico na Exploração Leiteira – Org. Plurivet”, “Avaliação Genética – Como Seleccionar Reprodutores em Vacadas de Carne – Org. Plurivet”, são outros temas que vão ser debatidos ao longo do dia.

A animação tradicional, as Escolas de Toureio, a Mesa da Tortura e as Largadas de Toiros complementam a área de animação tradicional da Feira Nacional de Agricultura. No Grande Ringue, pelas 00h00 actuam David Antunes e convidados (Berg, FF, Vanessa Silva, Simone de Oliveira e Luis Jardim), enquanto o DJ Diego Miranda anima a zona da Discoteca.