O Projecto Alimentação Saudável, desenvolvido pela área de Educação e Juventude do Município, prevê um conjunto de acções promotoras de hábitos de alimentação saudável, dedicadas em especial às crianças que frequentam os estabelecimentos de ensino público do pré-escolar e 1.º ciclo, mas que abrande toda a comunidade escolar.
Pedro Magalhães Ribeiro explicou que o projecto se desenvolve em três eixos essenciais – “educação e prevenção, formação, avaliação e monitorização, com acções concretas dedicadas às crianças, aos técnicos docentes e não docentes que acompanham o dia a dia das crianças na escola, assim como aos pais e encarregados de educação”, no cumprimento de princípios que “queremos subjacentes a toda a acção do município, o princípio da transparência, fornecendo toda a informação disponível aos pais e encarregados de educação, e os princípios da igualdade de oportunidades e da inclusão, promovendo acções que incluam todos os intervenientes na comunidade escolar. Neste caso quer no processo de sensibilização e educação alimentar, quer no processo de avaliação dos serviços prestados à comunidade”. Para o presidente da Câmara “este é um projecto que é promovido pelo município, mas que gostaríamos de ver transformado num processo conjunto e colaborativo entre município, pais e encarregados de educação, técnicos, agrupamentos e professores, pela importância que lhe atribuímos na área da educação para a saúde.”

O autarca afirmou que “a contratação de uma técnica nutricionista”, que teve lugar no início deste ano, “veio permitir um acompanhamento diário e atento às refeições escolares. Não só permitiu monitorizar ainda mais o serviço prestado pela entidade que fornece as refeições, mas também disponibilizar mais informação aos encarregados de educação”, referindo-se à presença diária da nutricionista nos estabelecimentos de ensino durante o período de refeições escolares, assim como, à publicação das ementas semanais no site da Câmara, acompanhadas de fotografias diárias dos alimentos servidos<http://www.cm-cartaxo.pt/Viver/Educ/AcaoSocialEscolar/Ementa-Dia/Paginas/2017-0220-0224.aspx>.