A Câmara Municipal e a União de Freguesias do Cartaxo e Vale da Pinta iniciaram ontem, dia 17 de maio, trabalhos de substituição de quatro árvores na Ribeira do Cartaxo. Os exemplares ali plantados – choupos -, vão dar lugar a quatro tílias.
A Câmara Municipal e a União de Freguesias têm vindo a receber, nos últimos meses, múltiplas queixas de residentes na zona que alegam graves problemas respiratórios e alérgicos causados pelo pólen produzidos pelos choupos ali plantados. Estando em causa razões de saúde pública, quer a Câmara Municipal, quer a União de Freguesias entenderam que esta substituição seria aconselhável e necessária.

A Câmara Municipal do Cartaxo informa todos os moradores que o corte dos quatro choupos ali existentes decorreu tendo em conta todas as medidas de segurança consideradas necessárias pelo Serviço de Proteção Civil, tendo os Bombeiros Municipais estado presentes no local, não só para apoio ao corte das árvores, mas também para supervisão dos trabalhos no que respeita à segurança na zona envolvente.

A autarquia informa ainda a população que todos os trabalhos previstos nos planos de regeneração urbana em curso e com início previsto para os próximos meses, preveem o aumento do número de árvores em espaço público e de modo algum a sua diminuição. As espécies previstas nestes planos tiveram já em consideração quer questões de saúde pública, como as causadas por espécies como os choupos, quer a dimensão dos exemplares quando adultos, de modo a preservar a segurança dos edifícios.

A Câmara Municipal e a União de Freguesias do Cartaxo e Vale da Pinta, reiteram a total disponibilidade dos serviços municipais para prestar quaisquer esclarecimentos que os munícipes entendam necessários sobre a substituição de árvores, nesta ou em outras zonas do concelho.

Download PDF