Desde 14 de Dezembro que estão à venda os bilhetes para a Corrida de Inauguração do Abono da temporada 2017, a 6 de Abril, que contará no cartel com o matador espanhol Juan José Padilla”, triunfador absoluto da temporada de 2016, conforme notícia colocada no sítio do Campo Pequeno. Ou seja, apesar de não ser ainda conhecida a total composição do cartel – parece que também poderá entrar o veterano cavaleiro João Moura! – já estão à venda os bilhetes para a Corrida de Inauguração da Temporada 2017 do Campo Pequeno. A venda avulsa dos bilhetes para esta corrida, para mais com a oferta de uma t-shirt estampada com a imagem de Padilla, para quem adquirir dois ou mais bilhetes até ao próximo dia 31 de Dezembro, até faz crer que este espectáculo não integra o Abono da Temporada, o que, convenhamos, seria estranho, pois, em regra as praças que praticam a venda de bilhetes por abono incluem os espectáculos de inauguração e de encerramento da temporada.

Acresce, ainda, que quem agora adquirir os bilhetes para a corrida de dia 6 de Abril tem de confiar no bom critério da Empresa na composição do cartel, quer quanto aos toureiros que o integrem, como quanto às reses a lidar. Enfim, esperemos para ver, ou não fosse Portugal um país de singularidades…

Mas, a 18 de Fevereiro há uma “Bullfest”!

Todavia, a Praça do Campo Pequeno abrirá as suas portas a 18 de Fevereiro de 2017 para acolher a primeira edição do BullFest – Festival de Cultura Portuguesa. A marca “Touradas”, criada recentemente pela Federação Prótoiro, organiza este evento tão inovador pouco depois da inauguração da temporada nacional – 1 de Fevereiro, emMourão – com um encontro de diferentes aspectos da cultura portuguesa, cruzando a intemporalidade, fazendo interagir o contemporâneo, o urbano e o popular.

Trata-se de um evento para todos os públicos, com muita animação para os mais pequenos e actividades diversificadas para os adultos, que decorrerá entre as 10 e as 21 horas do dia 18 de Fevereiro, um sábado. Num só dia é possível apreciar momentos de teatro popular, de fado, de animação infantil, de cinema documental, de “grafitti”, de “show cookings” e degustações, de demonstrações tauromáquicas, de “stand up comedy” e de baptismos de equitação. Um mundo de aliciantes para os apreciadores da nossa cultura! Como se pode, assim, comprovar a lista de actividades é vasta e diversificada, e este memorável dia culminará com um festival taurino, ao final da tarde. A composição do cartel está ainda no segredo da organização, mas a “Touradas” garante que “o espectáculo dará que falar por toda a temporada”. Oxalá!

Este é, segundo a Organização, um evento que convoca todos os aficionados e amantes da cultura portuguesa para viverem a sua paixão e para contribuírem activamente para a Festa, uma vez que o eventual lucro resultante do festival taurino é destinado à Prótoiro, o que, desejavelmente, constituirá uma boa base financeira para que lhe permitir potenciar as acções de defesa e de promoção da cultura taurina.

O programa completo do Bullfest será revelado dentro de dias. Até lá, fica a promessa de um evento que vai marcar a tauromaquia portuguesa. Cá estamos para ver!

Download PDF