tomarA Câmara de Tomar aprovou, na reunião desta semana, a segunda fase de atribuição de auxílios económicos a alunos das escolas do 1º Ciclo do concelho. Assim, serão atribuídos mais 1.002,30 €, correspondentes a 773,60 € de Escalão A, 26 € com alunos que transitaram do Escalão B para o Escalão A e 202,70 € de Escalão B. No conjunto dos resultados das duas fases, o Município de Tomar vai despender 10.861,20 €.

Nesta segunda fase, tinham sido apresentados, na Unidade de Intervenção Social e Educação, um total de 64 casos: 33 novas candidaturas procedentes de transferência de alunos provenientes de outros concelhos ou alterações significativas da situação socioeconómica do agregado familiar; 27 pedidos de reavaliação dos 43 que ficaram excluídos ou a aguardar parecer social na primeira fase e quatro pedidos de reavaliação dos 146 que nessa fase obtiveram Escalão B.

Em relação ao pré-escolar, o Município decidiu atribuir 11.649,40 €, correspondentes ao apoio ao prolongamento de horário, refeições e transportes. Deram entrada, na Unidade de Intervenção Social e Educação, 82 pedidos de atribuição de subsídio especial a crianças carenciadas, sendo que depois de analisados se comprovou a carência em 34 deles. Neste momento, continuam em análise social 28 pedidos no mesmo âmbito.

Foi ainda aprovado um novo pedido de transporte do Ensino Secundário com carência económica comprovada por parecer social, no valor de 152,40 €.